segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Mônica Salmaso canta Chico Buarque no Canecão, nesta terça


Daniela Calcia




Rio - Quer saber como se tornar unanimidade nacional e internacional. Pergunte ao Chico Buarque! Caso ele não esteja a fim de responder, tente uma pista. O Dia Online resolveu perguntar a uma dessas pessoas suspeitas, a cantora Mônica Salmaso. Intimidade com ele, Mônica tem, ela já fez show na Biblioteca Nacional durante exposição que comemorava os 60 anos do compositor, gravou participação no CD "Carioca" e cantou com ele no concorrido show que aconteceu no Circo Voador em maio.



Agora ela apronta mais uma, com o auxílio luxuoso de seus 'comparsas' do grupo Pau Brasil, revisita a obra do compositor no CD "Noites de gala, samba na rua", lançado pela Biscoito Fino. A chance para os cariocas conferirem a performance da trupe é nesta terça-feira (21), no Canecão, em Botafogo.



Diversos artistas já dedicaram discos inteiros para Chico como Nara Leão ("Com açúcar, com afeto"), Quarteto em Cy ("Chico em Cy"), Ney Matogrosso ("Um Brasileiro"), João Nogueira e Marinho Boffa ("Letra e Música"), Fafá de Belém ("Tanto Mar"), Carlos Fernando e Toninho Horta ("Qualquer canção") e até a portuguesa Eugênia Melo e Castro ("Des Cons Tru Ç ão"), entre outros. Mônica tem bons motivos para também cantar Chico. "É meio natural na carreira de uma intérprete fazer um disco sobre um compositor mais popular, do cancioneiro do Brasil, o Chico em especial", desmancha-se a cantora.



Se Mônica é fã de Chico, tudo indica que a recíproca é verdadeira. Ele a convidou para participar de uma faixa de seu recente "Carioca" e cantou com ela no Circo Voador lotado de jovens. ""Noites de gala, samba na rua" é uma retribuição ao carinho de Chico por mim. Foi muito especial cantar na faixa "Imagina" e no show no Circo", relembra Mônica, que ficou surpresa com a resposta do público. "Eu e a platéia tínhamos uma coisa em comum, celebrar a música do Chico, eles cantavam tudo e às vezes eu parava para assistí-los. Me receberam tão bem, tive uma noite de princesa", suspira a cantora.



Para que as canções de Chico não soassem repetitivas e óbvias, Mônica recrutou seus parceiros de longa data do grupo Pau Brasil. "Queria um disco bem pessoal, não um mero songbook. Me baseei na sonoriadade do grupo que conheço há anos, construímos juntos os arranjos de cada canção. Eles foram fundamentais na unidade do trabalho", afirma a cantora.



Enquanto curte a cria, Mônica pensa em novos projetos



Mas a vida da Mônica não é só música, ela é casada com o músico Teco Cardoso, um dos integrantes do Pau Brasil, e é mãe de Théo, de apenas cinco meses. Enquanto curte o novo integrante da família e o novo CD, ela ainda não sabe quando gravará um novo trabalho, mas já pensa em repertório. "Gosto de ter um espaço de no mínimo três anos entre um disco e outro. Minha carreira é vagarosa, quero fazer shows em todos os lugares. Recebo muito material de compositores, mas não consigo ouvir tudo", afirma. Mas Mônica, que tem outros quatro CDs na bagagem ("Afro Sambas" com Paulo Bellinatti, "Trampolim", "Voadeira" e "Iaiá") já dá uma dica de um outro ídolo que gostaria de gravar: João Bosco.



Por enquanto, a gente confere o show da cantora,"Noites de gala, samba na rua", muito bem acompanhada pelo grupo Pau Brasil, que além de seu Marido Teco (sax e flautas), é integrado por Ricardo Mosca (bateria), Nelson Ayres (piano), Paulo Bellinati (violão) e Rodolfo Stroeter (baixo). Apenas duas músicas não são de Chico, "Pulo do gato" (Paulo Bellinatti) e "Moda do Pau Brasil" (Rodolfo Stroeter), uma moda de viola em que todos os músicos se apresentam. Entre as músicas do homenageado estão "A Volta do malandro", "Quem te viu, quem te vê", "Basta um dia", "Suburbano coração" e "Partido Alto".



Serviço:


Mônica Salmaso e Pau Brasil - "Noites de Gala, Samba na Rua". Canecão. Rua Wenceslau Brás, 215, Botafogo. Terça-feira, às 20h30. Abertura da casa às 19h. R$ 30 (inteira). Informações: 2105-2000. Vendas nas bilheterias do Canecão ou pelo site: http://www.canecaopetrobras.com.br/







Nenhum comentário: